Notícias - Samarco

Publicado 13/06/2013

SECTTI e Samarco formam 182 profissionais para o mercado de trabalho

SECTTI e Samarco formam 182 profissionais para o mercado de trabalho

Programa qualifica moradores de Anchieta, Guarapari e Piúma na área de montagem eletromecânica

Promover melhorias nas condições de vida com qualificação profissional e geração de emprego e renda. Com esse objetivo o Governo do Estado do Espírito Santo, por meio da Secretaria de Ciência, Tecnologia, Educação, Inovação Profissional e Trabalho (SECTTI), em parceria com o Programa de Desenvolvimento Profissional da Samarco e o Instituto Nacional de Desenvolvimento Tecnológico e de Pesquisa (Indetep) ofertaram cursos para a população dos municípios de Anchieta, Guarapari e Piúma.

Quinta-feira (06), 182 alunos receberam o certificado de conclusão dos cursos de Ajustador Mecânico, Eletricista Montador, Encanador Industrial, Mecânico Montador de Máquinas Industriais e de Soldador ER/TIG.MIG. Os formandos receberam além do conteúdo técnico e prático de cada curso, aulas de língua portuguesa, matemática, ética e cidadania, saúde ocupacional, legislação trabalhista, educação previdenciária e ambiental e desenvolvimento nacional e do Espírito Santo. A oferta dessas disciplinas é um incentivo que contribui para a formação cidadã dos trabalhadores e melhoria das condições de inserção no mercado de trabalho.

“A formatura reforça o compromisso da Samarco em investir no potencial dos moradores das comunidades vizinhas e na geração de emprego e renda”, explica Vera Lúcia da Silva, gerente de Recursos Humanos da Samarco.

O projeto que atua no contexto do Programa Qualifica Trabalhador ofereceu 200 vagas preferencialmente para pessoas em situação de vulnerabilidade social, além de jovens em busca do primeiro emprego.

O ajustador mecânico Renato Simões Stein, 33, morador de Anchieta estava desempregado e se inscreveu para o programa. “Fui aprovado e optei por cursar ajustagem mecânica. Sai do seguro desemprego e atualmente possuo minha própria renda trabalhando na área. Tudo o que aprendi pude utilizar e melhorar a minha condição de vida e da minha família também”, comemora.

Para o secretário da Sectti, Jadir Péla, a parceria é fundamental para o desenvolvimento regional. “Os três municípios que foram beneficiados estão recebendo importantes investimentos e demandam mão de obra qualificada para atuação em grandes projetos de infraestrutura e logística. Mas, a qualificação que esses trabalhadores receberam irá permitir que eles atuem em diversas empresas situadas no Espírito Santo. Isso gera aproveitamento da mão de obra local, um dos nossos principais objetivos em relação a vinda de empreendimentos para o estado e a qualificação profissional”.

Oportunidades

O Projeto Quarta Pelotização (P4P), da Samarco, engloba investimentos de R$ 5,4 bilhões para a construção da quarta usina de pelotização, do terceiro mineroduto e do terceiro concentrador. O projeto elevará a capacidade de produção de pelotas de minério de ferro para 30,5 milhões de toneladas/ano, um crescimento de 37%. A previsão é que o P4P seja finalizado em janeiro de 2014. Atualmente, o projeto de expansão gera aproximadamente 13 mil empregos.

Programas como o Qualifica Trabalhador da SECTTI e o Programa de Desenvolvimento Profissional da Samarco são importantes para que trabalhadores locais conquistem um vaga no mercado de trabalho.