Notícias - Samarco

Publicado 27/12/2012

Guarapari é a bola da vez do mercado imobiliário capixaba

Guarapari é a bola da vez do mercado imobiliário capixaba

Guarapari se torna opção de primeira moradia, o balneário capixaba aparece pela primeira vez na pesquisa do Censo Imobiliário Sinduscon-ES

O crescimento econômico da região Sul tem gerado uma nova tendência do mercado imobiliário: pessoas que escolhem o município de Guarapari como primeira moradia. A cidade, que é bastante conhecida por suas belas praias, deixou de ser opção apenas para veraneio devido ao desenvolvimento estrutural da região e à proximidade da capital.

Depois das cidades de Vitória, Vila Velha, Serra e Cariacica experimentarem o boom na oferta de lançamentos imobiliários, agora as atenções do mercado se voltam para outras áreas da Região Metropolitana, como o balneário de Guarapari. Dispondo de boas áreas para loteamentos e urbanismo, a Cidade Saúde começa a receber, com mais vigor, opções de produtos para todos os perfis.

“Além do desempenho econômico vivido pela região Sul do Espírito Santo, outro aspecto que impulsiona o aquecimento do município de Guarapari é a escassez de bons terrenos no litoral da grande Vitória, o que faz surgir uma demanda por novas moradias próximas do mar”, explica o consultor imobiliário, Guilherme Machado.

Guarapari se destaca entre as cidades com maior infraestrutura para se viver no sul do Estado. O município conta com hospitais, unidades de ensino, além estar na rota de estudos de viabilidade para construção de shoppings centers, entre outros negócios e serviços. Esses foram alguns dos fatores que levaram Alberto Sarmento a se mudar para o município. O engenheiro civil, que atualmente trabalha na Cesan, morava em Salvador e optou por mudar para Guarapari após a esposa passar em um concurso público na cidade.

“Foi uma decisão acertada, pois Guarapari possui um clima ótimo; tranquila, de fácil acesso e movimentação por suas ruas, sem contar da beleza das praias e das montanhas, que são bem próximas, e da boa qualidade de vida que temos aqui”, destacou o engenheiro.

Com esta nova demanda, a cidade tem atraído muitos investimentos, com opções de moradias tanto horizontais quanto verticais. As novas apostas contemplam desde a oferta de projetos no segmento econômico a empreendimentos de médio e alto padrão, como o loteamento Reserva Amary, da paulista Cipasa Urbanismo e da capixaba Macafé Empreendimentos, com previsão de lançamento em janeiro.

“Percebemos o potencial desse mercado e, para conquistar os consumidores que estão em busca de uma residência em Guarapari, decidimos apostar em um loteamento de casas de alto padrão, que preserva os recursos naturais da região e contribui com a infraestrutura da comunidade local, com fácil acesso a comércios e serviços, com um projeto urbanístico de excelência única como os demais empreendimentos da Cipasa Urbanismo espalhadas pelo Brasil”, destaca o diretor de Urbanismo, Ivo Szterling.

Outro fato que agrega um diferencial ao balneário é sua proximidade com Anchieta que, recentemente, foi apontado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) como a 10ª cidade mais rica do Brasil. Com um Produto Interno Bruto (PIB) per capita de mais de R$ 108 mil, o lugar ocupa o alto do pódio das maiores receitas quando se tratam apenas dos municípios do Espírito Santo. O índice está associado às atividades da indústria de mineração (Samarco Mineração S.A.).