Notícias - Gerais

Publicado 30/05/2014

Capixabas lançam rede social profissional voltada para empregos

Capixabas lançam rede social profissional voltada para empregos

A demanda por vagas de emprego e profissionais capacitados para preencher as ofertas disponíveis no mercado está cada vez maior. Pensando nisso, os criadores do aplicativo para Facebook empregue-me, que disponibilizava vagas de emprego para os capixabas, acabam de lançar uma rede social exclusivamente profissional, o empregue-me.com.

O empregue-me surgiu a partir do grupo de vagas de emprego do Facebook “Empregos ES”, que é um dos mais populares no Espírito Santo, com mais de 100 mil participantes. Para ampliar o alcance do grupo, João Paulo Furtado, Ôlavo Corrêa Saldanha e Diogo Jacinto criaram um aplicativo que disponibiliza as vagas de emprego divulgadas no grupo. Porém, percebendo que a demanda por esse tipo de serviço não era exclusividade entre os capixabas, os três desenvolvedores passaram a trabalhar em uma rede social que daria a oportunidade de que usuários de todo o país pudessem cadastrar seus currículos e concorrerem a vagas, e que empresas pudessem ter acesso a esse vasto banco de dados da rede social.

“A área de recrutamento no Brasil tem uma forte demanda e ainda apresenta sérios desafios como, por exemplo, a dificuldade que os empreendedores têm em encontrar mão de obra técnica/operacional qualificada para suas empresas. Daí vislumbramos que essa pode ser uma boa oportunidade de atender a esse mercado, a partir de uma rede social onde possam facilmente buscar currículos compatíveis com suas necessidades”, explica o fundador do empregue-me.com, João Paulo Furtado.

O funcionamento da rede social é bem simples. Para o candidato, basta efetuar o cadastro gratuito de uma nova conta no link www.empregue-me.com (especificando que o tipo da conta é de candidato), preencher o seu currículo e, posteriormente, clicar no botão candidatar para ter seu currículo enviado às oportunidades de interesse. Para as empresas, o processo é basicamente o mesmo. O único detalhe é que devem especificar que estão criando uma conta do tipo empresarial durante o processo. Com a conta criada, o empreendedor pode buscar diversos currículos cadastrados na rede utilizando filtros ou postar as vagas que estão disponíveis em sua empresa. 

Já com 132 mil usuários no Espírito Santo e 35 mil em São Paulo, o empregue-me agora entrará em um processo de expansão para outros Estados do Brasil. “Estamos efetuando melhorias diariamente, sempre focado no feedback de nossos usuários e sempre levamos em consideração as necessidades dos nossos clientes durante o processo de expansão. Neste momento, estamos identificando a demanda de outros Estados pelo nosso serviço”, conta João Paulo.

O desenvolvimento da rede social foi todo feito com o suporte da TecVitória, incubadora de empresas da qual o empregue-me faz parte desde julho de 2013. A ideia dos desenvolvedores é, após a divulgação maciça em outros Estados do Brasil, levar a rede social empregue-me.com para outros países, sendo o Portugal o primeiro escolhido.

Fonte: Mile4 Assessoria de Comunicação