Notícias - Samarco

Publicado 19/03/2019

Melhorias no abastecimento de água em Regência

Melhorias no abastecimento de água em Regência
A Estação de Tratamento de Água (ETA) da vila foi reformada e já está pronta para ser utilizada

A comunidade de Regência, vila localizada na região de Linhares (ES), contará com melhorias no sistema de abastecimento de água. Com a reforma e modernização na Estação de Tratamento de Água (ETA) da região, fica reduzido o risco de desabastecimento — devido ao período chuvoso e ao aumento no fluxo de pessoas em temporadas turísticas — e a população não ficará dependente dos caminhões pipa.

As intervenções foram concluídas no primeiro semestre de 2018 pela Fundação Renova, mas ainda era preciso comprovar o pleno funcionamento do sistema. Após mais de 100 testes de qualidade da água realizados e avaliados pelo Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE) de Linhares e pelo Ministério Público do Estado do Espírito Santo (MPES), a ETA está pronta para ser utilizada.

A princípio, será feita uma mistura das águas provenientes da ETA com as do SAAE, em um processo conhecido como blendagem, que terá início ainda em março. A líder do programa de abastecimento da Fundação Renova, Yone Fonseca, falou dos benefícios para a região. “O procedimento do blend vai garantir o abastecimento contínuo da comunidade, com água de boa qualidade”, disse.

Os índices de cloreto, bário e outros parâmetros analisados na água captada e tratada pela ETA de Regência atendem aos padrões exigidos pela Portaria de Consolidação nº 5/2017 do Ministério da Saúde.

Além da melhora na qualidade da água, também haverá a redução do número de viagens dos caminhões pipa que trafegam no local — nos dias chuvosos, por exemplo, as condições da via dificultavam a chegada da água para a comunidade, prejudicando o abastecimento. A partir de agora, os caminhões serão utilizados somente em casos emergenciais.

O monitoramento da qualidade da água e a distribuição para a região serão realizados pelo SAAE, em cumprimento à Portaria do Ministério da Saúde, que estabelece as normas e padrões de potabilidade de água destinada ao consumo humano.


Fonte: Fundação Renova