Notícias - Samarco

Publicado 08/02/2018

Conexão Férias leva alegria e conhecimento para as comunidades de Mariana e Barra Longa

Conexão Férias leva alegria e conhecimento para as comunidades de Mariana e Barra Longa

Mais de mil pessoas participaram do evento, que contou com Caravanas e Oficinas

A segunda edição do Conexão Férias chegou ao fim no dia 4 de fevereiro, domingo, com uma linda festa na praça Gomes Freire, em Mariana (MG). O evento, que atraiu mais de mil pessoas em todas as suas paradas, se consolidou como um importante espaço de diversão e aprendizagem para crianças e jovens e instrumento de integração das comunidades atingidas pelo rompimento da barragem de Fundão. Foram duas semanas de atividades de cultura e lazer em diversos bairros da cidade de Mariana e em Barra Longa.  

“O Conexão Férias foi pensado como um espaço de lazer para os alunos das escolas de Bento Rodrigues, Paracatu de Baixo e Barra Longa, mas hoje atrai toda a família dos dois municípios, com uma programação que valoriza a cultura local”, explica Kívia Cruz, da frente de Educação e Cultura da Fundação Renova.

Entre os dias 27 de janeiro e 04 de fevereiro, a Caravana do Conexão Férias passou pelos bairros Santo Antônio, Cabanas, Colina, e pela Praça Gomes Freire, em Mariana e na Praça Manoel Lino Mol, em Barra Longa. Toda a comunidade pode se divertir com as apresentações do Cria Percussão, Charangas e grupos musicais das duas cidades. A alegria e interação entre os moradores foi o ponto alto das festas. “A população agradece muito esse tipo de iniciativa. Nós merecemos e precisamos de eventos assim”, alegrava-se a moradora de Mariana, Celina Gontijo.

Para Marcelo Alegria, responsável pelo Cria Percussão, a Caravana é um incentivo para a população ocupar os espaços públicos. “Quando eventos como este acontecem aqui, a gente consegue resgatar lugares que, normalmente, ou estão vazios ou largados. É muito importante para a nossa cidade ver famílias e crianças ocupando as nossas praças”, comemora ele.

Já as oficinas aconteceram entre os dias 22 a 26 de janeiro para jovens de 12 a 23 anos e entre 29 de janeiro e 2 de fevereiro para crianças de 4 a 11 anos. Vinte e nove jovens participaram de aulas de música, dança, produção de eventos e DJ.  Eles puderam, ainda, botar em prática todo o aprendizado da semana anterior, participando da equipe de produção do evento e se apresentando e dando oficinas durante as Caravanas.

Na segunda semana, as crianças participaram de oficinas de música e confecção de brinquedos, além de mostra de cinema e musicalização. No total, participaram das atividades 85 crianças das comunidades de Bento Rodrigues, Paracatu de Baixo e Mariana.

A professora emérita da Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP) e presidente da Casa de Cultura de Mariana, Hebe Rôla, ressalta a importância de se educar jovens e crianças de forma lúdica e para além das salas de aula. “‘É muito importante que a criança e o adolescente tenham esses momentos. Nós temos que educar as crianças de forma festiva, agradável. Não fechando em quatro paredes para trabalhar conceitos e mais conceitos que não serão vivenciados. É a construção do conceito de cultura que eles levarão para a vida adulta”, disse ela.  

Veja como foi:



Fonte: Fundação Renova