Notícias - Samarco

Publicado 29/05/2020

Fundação Renova destina cerca de R$ 600 milhões para obras na bacia do rio Doce

Fundação Renova destina cerca de R$ 600 milhões para obras na bacia do rio Doce
A Fundação Renova aprovou o repasse de cerca de R$ 600 milhões para ações compensatórias nos setores de saúde e de infraestrutura em municípios da bacia do rio Doce atingidos pelo rompimento da barragem de Fundão.

Os projetos compõem a agenda integrada prioritária apresentada pelos governos de Minas Gerais e do Espírito Santo, elaborada em concordância com o Fórum dos Prefeitos do Rio Doce e objeto de deliberações do Comitê Interfederativo (CIF) em fevereiro deste ano.

Irão se beneficiar com a verba projetos estruturantes com impacto coletivo, de longo prazo e que possuem aderência aos programas compensatórios previstos no Termo de Transação e de Ajustamento de Conduta (TTAC). Eles visam dar apoio à saúde física e mental da população, diversificar a economia local e facilitar o acesso a importantes polos turísticos.

Entre as ações previstas, estão a estruturação do Hospital Regional de Governador Valadares (MG), que terá 265 leitos, obras em rodovias mineiras e capixabas estratégicas para o desenvolvimento e construção de um distrito industrial em Rio Doce.

Vale lembrar que os programas compensatórios da Fundação Renova têm o objetivo de ressarcir impactos para os quais não é viável ou possível a recuperação, mitigação, remediação e/ou reparação. Saiba mais.

“A gente acredita que esses R$ 600 milhões dos recursos compensatórios vão gerar uma contribuição expressiva para o desenvolvimento local dessas regiões e a geração de emprego e renda.”
André de Freitas
Diretor-presidente da Fundação Renova


Fonte: Fundação Renova