Notícias - Gerais

Publicado 13/01/2020

Log-In pode alavancar negócios da indústria capixaba

Log-In pode alavancar negócios da indústria capixaba

A Log-In, empresa de logística que opera o Terminal Portuário de Vila Velha (TVV), pode ser uma solução importante para a movimentação de cargas da indústria capixaba, para ampliar e diversificar a pauta de exportação para outros estados e países e também para a importação de insumos, peças, máquinas e equipamentos.

A empresa tem capacidade para movimentar até 350 mil contêineres por ano e atualmente opera com dois terços desse potencial. Além disso, está desenvolvendo um planejamento para integrar os modais ferroviário e portuário, o que deverá melhorar sua eficiência.

Na última sexta-feira (10), o Presidente da Federação das Indústrias, Léo de Castro, esteve no TVV, que é o maior terminal de carga geral do estado, para se reunir com Ilson Hulle, diretor da Log-In.

No dia 3 de março de 2020, o Fórum Mais Negócios, da Findes, deverá realizar um seminário para a debater o potencial do setor portuário capixaba e sua importância para o estado, com a presença dos principais players que atuam no país.

Atualmente, cerca de 90% das exportações do Espírito Santo se resumem a seis produtos: petróleo e gás, café, granito, minério de ferro, aço e celulose. O coordenador do Fórum Mais Negócios, Durval Vieira de Freitas, destaca a necessidade de se ampliar e diversificar essa pauta de exportações. A Log-In é parceira do Mais Negócios. “A participação da Log-In no Fórum contribui para identificar oportunidades de negócios para diferentes setores da nossa economia”, observa Durval.

Em abril, com a provável homologação do novo calado do Porto de Vitória, o potencial de utilização desse terminal deve ser ampliado. “Temos uma oportunidade grande de utilização para todos os setores da indústria, como cargas frigorificadas, frutas, proteína animal como aves e bovinos, setor moveleiro, plástico, embalagens, cosméticos, entre outros. Toda a nossa indústria pode se beneficiar”, afirma Léo de Castro.

Durval observa que boa parte do mamão produzido no Norte do Espírito Santo acaba sendo exportado hoje por portos do Rio de Janeiro. O Espírito Santo é o maior produtor de ovos do país e um dos maiores de frango e depende da importação de milho. São Mateus é o maior exportador de pimenta do reino do país. Toda essa cadeia produtiva pode se beneficiar da infraestrutura do TVV.

A Log-In tem frota própria e linhas regulares para diversos estados e países e atua no estado desde 2008. Ela tem mais de 1,5 mil clientes no Mercosul e nos últimos seis anos teve um crescimento de 20% em volume de cargas movimentadas, atuando em parceria com outros operadores portuários.



Fonte: Comunicação Findes