Notícias - Fibria

Publicado 27/08/2019

Suzano conquista dois prêmios no anuário Melhores & Maiores

Suzano conquista dois prêmios no anuário Melhores & Maiores

Companhia foi eleita destaque do ano pela revista EXAME nas categorias Agronegócio e Papel e Celulose

Suzano conquistou dois importantes prêmios no Anuário Melhores & Maiores 2019 da revista EXAME. Em cerimônia realizada na noite de segunda-feira (26), a companhia foi indicada a Empresa do Ano no Agronegócio e a melhor do Brasil no segmento de Papel e Celulose. O reconhecimento acontece meses após a fusão entre a Suzano Papel e Celulose e a Fibria, ocorrida em janeiro, operação que resultou na criação da Suzano.

A edição de Melhores & Maiores de EXAME premia as empresas que mais se destacaram em 20 setores da economia. As companhias foram analisadas pela Fipecafi, fundação ligada à Universidade de São Paulo (USP). Neste ano foi feita com a avaliação dos dados de mais de 3.000 empresas, além dos maiores grupos privados do País. 

O levantamento compreendeu todas as companhias que publicaram demonstrações contábeis no Diário Oficial dos estados até o dia 15 de maio de 2019. Também foram incluídas as empresas limitadas que enviaram seus resultados para análise de Melhores & Maiores e responderam aos questionários. Foram consideradas, ainda, empresas de porte significativo e bem conhecidas no mercado, que não divulgam seus resultados, mas tiveram seu faturamento estimado por analistas da publicação.

“Este é um reconhecimento especial em um momento histórico da Suzano. A empresa, sustentada por seus mais de 15 mil colaboradores próprios, está ainda mais preparada, após a fusão, para contribuir com o fortalecimento da Bioeconomia. Vamos continuar avançando na busca por soluções que respondam aos anseios da sociedade por produtos cada vez mais sustentáveis”, afirma Walter Schalka, presidente da Suzano.
 
Sobre a Suzano

Suzano, empresa resultante da fusão entre a Suzano Papel e Celulose e a Fibria, tem o compromisso de ser referência global no uso sustentável de recursos naturais. Líder mundial na fabricação de celulose de eucalipto e uma das maiores fabricantes de papéis da América Latina, a companhia exporta para mais de 80 países e, a partir de seus produtos, está presente na vida de mais de 2 bilhões de pessoas. Com operações de dez fábricas, além da joint operation Veracel, possui capacidade instalada de 10,9 milhões de toneladas de celulose de mercado e 1,4 milhão de toneladas de papéis por ano. A Suzano tem mais de 35 mil colaboradores diretos e indiretos e investe há mais de 90 anos em soluções inovadoras a partir do plantio de eucalipto, as quais permitam a substituição de matérias-primas de origem fóssil por fontes de origem renovável. A companhia possui os mais elevados níveis de Governança Corporativa da B3, no Brasil, e da New York Stock Exchange (NYSE), nos Estados Unidos, mercados onde suas ações são negociadas.



Fonte: P6 Comunicação