Notícias - Fibria

Publicado 05/05/2016

Programa de Formação Ambiental da Fibria inicia capacitação em escolas do Espírito Santo

Programa de Formação Ambiental da Fibria inicia capacitação em escolas do Espírito Santo

Os professores são orientados a preparar projetos em sala de aula que abordem questões relacionadas à gestão dos resíduos sólidos

A Fibria iniciou na última semana de abril um programa de treinamento com professores dos municípios São Mateus e Jaguaré (ES). A iniciativa faz parte do Programa de Formação Ambiental Externo (PFA) da empresa, que envolverá 45 professores de nove escolas desses municípios. O programa também contempla os municípios de Caravelas e Mucuri (BA), abrangendo seis escolas e 30 professores.

O objetivo do PFA é contribuir para a formação, sensibilização e mobilização das comunidades escolares com abordagem da temática dos resíduos sólidos. No Espírito Santo, o início do programa aconteceu no dia 27 de abril, em São Mateus. Na Bahia, a formação começou um dia antes, no dia 26 de abril, no distrito de Juerana, em Caravelas.

Durante a capacitação, os professores do 4º ano do Ensino Fundamental são orientados a preparar Projetos de Experiência Pedagógica, contendo ações e estratégias educacionais, a serem desenvolvidos com os alunos ao longo do ano, com o apoio pedagógico da Fibria. Além desses projetos, os professores também receberão três edições do informativo JornalEco, publicação editada pela Fibria e direcionada a alunos e professores, que aborda questões ambientais de forma didática e divertida.

Nas edições deste ano, o JornalEco abordará temas como a gestão dos resíduos sólidos em cada ambiente: em casa, na escola, na cidade, no estado e no país. Também serão trabalhados temas como reciclagem, reaproveitamento de materiais, diferenças da destinação em aterro e lixão, importância dos catadores de lixo e destinos da reciclagem em geral.

“A proposta deste programa está em sintonia com a Política Nacional de Resíduos Sólidos e utiliza a educação ambiental como instrumento de conscientização da comunidade”, explica o analista de Meio Ambiente da Fibria, Thiago Rizzo.

O PFA é um programa corporativo desenvolvido em vários municípios das áreas de atuação da Fibria, incluindo São Paulo e Mato Grosso do Sul, além de Espírito Santo e Bahia.

Fonte: Assessoria de Imprensa Fibria