Notícias - Fibria

Publicado 20/08/2014

Jovens de Aracruz exibem filmes produzidos em oficina do Programa de Educação Ambiental da Fibria

Jovens de Aracruz exibem filmes produzidos em oficina do Programa de Educação Ambiental da Fibria

Os trabalhos audiovisuais, apoiados pela Fibria, abordam temas socioambientais e históricos de comunidades de Aracruz.

O talento e a produção artística de 26 jovens de comunidades de Aracruz entraram em cena durante a exibição de curtas metragens produzidos por moradores de Barra do Riacho, Barra do Sahy e Vila do Riacho. Com roteiro voltado às questões socioambientais e históricas das regiões, os vídeos, produzidos em oficina audiovisual do Programa de Educação Ambiental da Fibria, foram exibidos no dia 30 de julho na Associação de Moradores de Barra do Riacho. Após a exibição, foi realizada uma Mesa Redonda para debater os assuntos abordados nos vídeos. O encontro contou com a participação de integrantes do Projeto Jovens em Ação e representantes das secretarias municipais de Meio Ambiente, Educação, Desenvolvimento, Ação Social e Cultura.

Com o nome "A Sociedade e seus Conceitos Visuais", a produção de Barra do Riacho abordou os temas resíduos sólidos e o preconceito social. Produzido em Barra do Sahy, o trabalho audiovisual "Bolinha de Sabão" falou sobre os jovens e o envolvimento com as drogas. Em “A Segunda Chance", produzido em Vila do Riacho, também foi explorada a temática das drogas.

Os trabalhos foram produzidos durante um Curso de Capacitação em Criação e Elaboração de Curta Metragem/Audiovisual, executado pela Pixel Produtora em parceria com a Lumiar Consultoria Ambiental. O curso foi viabilizado pela Fibria, por meio do Projeto Jovem Comunicador – Jovens em Ação, iniciativa do Projeto de Educação Ambiental da empresa, que aborda três pilares: comunidade escolar, engajamento comunitário e trabalhos internos com colaboradores e prestadores de serviços/produtos.

Durante as oficinas, realizadas no período de 17 de maio a 7 de junho, os alunos aprenderam práticas sobre criação, elaboração de roteiro,  edição, direção, fotografia, maquiagem, som, iluminação e produção de vídeos.

Envolvimento social O treinamento foi oferecido para atender a uma demanda da sociedade. “Os jovens dessas regiões têm poucas opções de lazer. O curso foi uma oportunidade para se envolverem em um trabalho socioeducativo e desenvolverem habilidades. Eles escolheram trabalhar com vídeo e produziram os próprios roteiros”, explica João Lages Neto, especialista em Meio Ambiente Industrial da Fibria.

Segundo Lages, existe uma vontade das comunidades e uma predisposição das empresas responsáveis pelo projeto de envolver mais jovens em outras capacitações, incluindo fotografia e teatro. A ideia é promover anualmente uma "Mostra Juvenil de Audiovisual" da Unidade Aracruz da Fibria, disse Lages.

Além de terem sido exibidas na comunidade, as cinco produções mais votadas poderão ser expostas no estande de Meio Ambiente durante a Semana Interna de Prevenção de Acidentes e Meio Ambiente  (SIPATMA) da Fibria, que acontece em agosto.

Fonte: Pauta 6 Comunicação