Notícias - Fibria

Publicado 04/07/2018

Com apoio da Fibria, alunos fazem meliponário em escola municipal de Jacareí (SP)

Com apoio da Fibria, alunos fazem meliponário em escola municipal de Jacareí (SP)

Alunos da EMEF Prof. José Éboli de Lima aprenderão na prática sobre biodiversidade e detalhes do processo de polinização com abelhas sem ferrão

A Fibria, empresa brasileira líder mundial na produção de celulose de eucalipto a partir de florestas plantadas, realiza desde o ano passado o projeto Práticas Sustentáveis no município de Jacareí (SP). O objetivo é incentivar a participação de crianças e jovens em iniciativas que beneficiem o meio ambiente e contribuam para a qualidade de vida. Como parte do projeto, os alunos da EMEF Prof. José Éboli de Lima, no distrito de São Silvestre, em Jacareí (SP), construíram um meliponário. Trata-se de um espaço apropriado para criação de abelhas nativas.

“A construção de um meliponário tem proposta educativa. A produção de mel com as abelhas sem ferrão, possibilita o contato com os estudantes, que aprenderão na prática sobre a importância desses insetos no ecossistema. Afirma o consultor de sustentabilidade da Fibria, Adriano Martins.

A caixa instalada na escola é de abelhas da espécie Jataí, típica do Brasil e que favorece a polinização da flora nativa, de lavouras e pomares, além de contribuir para a conservação da biodiversidade. Todos os 386 alunos devem ter contato com os insetos em atividades planejadas pelos professores.

A iniciativa contou com a participação de técnicos do Programa Colmeias, que capacitaram os educadores e alunos e também participaram da instalação da caixa de abelhas. O Programa Colmeias tem o intuito de fortalecer a apicultura e fomentar o desenvolvimento da cadeia apícola na região. No Vale do Paraíba, cerca de 80 apicultores, de 10 cidades, participam do programa, criado há 15 anos e que tem trazido bons resultados, como o aumento de 47% na produção em 2017, comparando com o ano anterior.

Práticas Sustentáveis

Desde o ano passado, os alunos e educadores da EMEF Prof. José Éboli de Lima participam de uma série de ações do projeto Práticas Sustentáveis. Houve a construção de uma cisterna para captação e reaproveitamento de água pluvial, plantio de árvores frutíferas, comercialização de produtos da horta e implantação de composteiras, que deram destino sustentável para 10 toneladas de resíduos alimentares das merendas. As atividades continuam até o final do ano.

Sobre a Fibria

Líder mundial na produção de celulose de eucalipto, a Fibria é uma empresa que procura atender, de forma sustentável, à crescente demanda global por produtos a partir da floresta plantada. Com capacidade produtiva de 7,25 milhões de toneladas de celulose por ano, a companhia conta com unidades industriais localizadas em Aracruz (ES), Jacareí (SP) e Três Lagoas (MS), além de Eunápolis (BA), onde mantém a Veracel em joint-operation com a Stora Enso. A companhia possui 1,092 milhão de hectares de florestas, sendo 656 mil hectares de florestas plantadas, 374 mil hectares de áreas de preservação e de conservação ambiental e 61 mil hectares destinados a outros usos. A celulose produzida pela Fibria é exportada para mais de 35 países e matéria-prima para produtos de educação, saúde, higiene e limpeza. Saiba mais em www.fibria.com.br



Fonte: Assessoria de Imprensa Fibria